67 3028 9000

+ TELEFONES

Notícias

O Projeto Armário promove o uso da homeopatia expandindo os benefícios da terapêutica

14 de junho de 2019 | Notícias

O Projeto Armário é uma parceria técnico-científica da Real H com os hospitais veterinários de universidades, zoológicos, centros de reabilitações de animais e Ongs (Organizações não governamentais).

O objetivo do projeto que existe há dez anos, é aumentar o conhecimento e o mercado de atuação da homeopatia, difundindo a terapêutica que garante a saúde e bem-estar aos animais, sem os riscos de intoxicação e efeitos colaterais.

A empresa fornece os medicamentos homeopáticos, que serão utilizados nos tratamentos dos animais e com os resultados, são produzidos materiais técnicos através dos relatos de casos clínicos, obtidos com a utilização da homeopatia.

“Ao entregarmos os produtos, fazemos o acompanhamento técnico com os médicos veterinários e aguardamos os resultados. Posteriormente transformamos esses resultados em artigos para publicações em revistas, congressos, apresentações, palestras, etc”, explica Tamara Marecos, médica veterinária e promotora técnica da Real H.

O projeto é renovado a cada seis meses, a renovação depende do comprometimento e dos resultados entregues pelas instituições envolvidas, conforme pré-estabelecido em contrato. Atualmente o projeto está ativo no Hospital Veterinário da Uniderp e no CRAS (Centro de Reabilitação de animais silvestres) e em fase de negociação com outros locais como, Hospital Veterinário da Unigran – Dourados, zoológico de Guarulhos (SP) e outros.

De acordo com Tamara, no CRAS, alguns produtos têm se destacado e apresentado resultados excelentes.

“O CRAS recebe muitos animais atropelados, animais vítimas de maus tratos e também os de tráfico ilegal de animais, então, medicamentos como Trauma, Ósseo, CMR, Strong, Anizen têm se destacado com ótimos resultados e auxiliado de forma expressiva na recuperação desses animais silvestres, que respondem de forma excelente a homeopatia” finaliza.

Você gostou? Compartilhar nas redes sociais.